Picanha na pressão

Boa tarde pessoas, esta receita hoje é do meu irmão Cris (Paraiba), ele me mandou esta foto ontem a noite enquanto eu estava fazendo o post de cuscuz, eu quase enfartei de tanta vontade de comer esse molhinho da picanha com cuscuz.

Corri pra comprar picanha, fazer o quê, não é mesmo... Uma das coisas boas dessa vida é experimentar.
Vamos lá.

PICANHA NA PRESSÃO



O QUE USAR:
1 peça de picanha pequena, cerca de 1 kilo
1 colher de sopa de açúcar
Azeite
4 dentes de alho
1/2 cebola grande picada grosseiramente
1/2 cebola grande ralada
1 tomate grande picadinho
Pimenta e sal a gosto


COMO FAZER:
Coloca um fio de azeite e o açúcar na panela de pressão e deixa queimar como se fosse fazer o açúcar no ponto de fio, sela a carne (selar a carne é frita-la de todos os lados, deixando-a fritinha por fora e ainda crua por dentro), use o fogo alto e tenha cuidado pois o processo é rápido.
Depois de selar a carne coloque o alho e a cebola, deixa dourar mais um pouco e acrescente o tomate, uma pimentinha e sal a gosto.

Coloque água até o nível da carne, e deixa 40 minutos na pressão. Desliga, deixa o vapor sair e PIMBA!!!




#PULODOGATO
1) Depois que coloca a carne para selar mexa apenas para virar de lado, pois se não ela solta muita água.
2) Ao comprar a peça de picanha, escolha a menor no máximo com 1.100 quilo e dê preferência a carne de animal macho (pode encontrar essa informação no rótulo), picanhas maiores que isso são misturadas com outros cortes, pode acreditar em mim sou formada em zootecnia. Muita gente leva gato por lebre e acaba com um pedaço de carne dura.

Coma com vários tipos de acompanhamento minha sugestão, cuscuz, arroz, farofa d'água, hummmm.
Se joga que essa receita merece.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui o seu recadinho pra Dona Concha. Beijos